Foi montado um novo gabinete do ódio para acabar com a Lava Jato, diz Deltan - BLOG DO GERALDO ANDRADE

sexta-feira, 3 de julho de 2020

Foi montado um novo gabinete do ódio para acabar com a Lava Jato, diz Deltan


Nova fase da Operação Lava Jato foca em oito alvos; veja a ...

O procurador da República Deltan Dallagnol disse hoje ao jornal O Globo que “há algum novo gabinete do ódio, operando para macular a Lava Jato”. Na opinião dele, estão sendo plantadas notícias falsas na imprensa com o objetivo de destruir a imagem da força tarefa e desarticular o combate à corrupção.

A fala de Deltan é resposta à tentativa do PGR Augusto Aras de acabar com as forças-tarefa e criar uma unidade central de combate à corrupção subordinada à Procuradoria-Geral.

O procurador da Lava Jato reclamou também da notícia que se divulgou sobre a compra de três aparelhos Guardião para grampear telefones. Na verdade, o que se comprou foi um gravador interno de ramais, segundo Deltan.

“O que parece é que se está buscando produzir um clima propício para acabar com as forças-tarefas”, disse o procurador.

“Chegamos a um momento de desmonte institucional da forma de combater a corrupção empregada nos últimos anos. Houve um desmonte jurisprudencial, com o fim da prisão em segunda instância, um desmonte legislativo, com regras como a lei de abuso de autoridade e outras que dificultaram a colaboração premiada, e agora se busca desmontar os arranjos institucionais usados nos últimos seis anos para avançar contra a corrupção”, analisou



Fonte: O Antagonista