Pressionado, Bolsonaro adia escolha do novo ministro da Justiça - BLOG DO GERALDO ANDRADE

domingo, 26 de abril de 2020

Pressionado, Bolsonaro adia escolha do novo ministro da Justiça




Pressionado pelas acusações de Sérgio Moro de que pretendia interferir na Polícia Federal, Jair Bolsonaro adiou a escolha do novo ministro da Justiça e deve ouvir juristas para o cargo.

O ministro da Secretaria-Geral da presidência da República, Jorge Oliveira, era o nome mais cotado para assumir o ministério da Justiça, mas ele próprio relatou preocupação com a eventual ida à pasta por ser amigo pessoal da família Bolsonaro.

Falecido, o pai de Oliveira foi chefe de gabinete de Bolsonaro na Câmara durante 20 anos. Jorge trabalhou como assessor parlamentar de Bolsonaro quando ele era deputado federal e foi chefe de gabinete na Câmara de Eduardo Bolsonaro, no primeiro mandato de deputado.



Fonte: Brasil 247