Presidente do MDB de João Pessoa diz que rompimento do partido com João Azevêdo é ‘inevitável’ - BLOG DO GERALDO ANDRADE

sábado, 9 de outubro de 2021

Presidente do MDB de João Pessoa diz que rompimento do partido com João Azevêdo é ‘inevitável’

 


O presidente do MDB de João Pessoa, vereador Mikika Leitão, declarou que o rompimento do partido como governador João Azevêdo (Cidadania) não tem volta.



Segundo Mikika, a não ida da secretária Ana Cláudia para a mesa do evento de ontem do Governo em Campina Grande foi “tudo premeditado. O rompimento é inevitável”.


Leia mais: Ana Cláudia Vital deixa evento do Governo em CG, e João Azevêdo questiona: “Que não seja motivo para outras atitudes”


Mikika disse ainda que João estaria tratando Veneziano como candidato ao Governo em 2022.


“Está querendo que Veneziano seja candidato a governador de todo jeito, mesmo sem Veneziano querer e sem dizer que é candidato. Mas ele tá insistindo que Veneziano é candidato. Não pode se encontrar com Lula, não pode visitar um prefeito, que se receber é candidato”, disse.


Fonte: Wscom