Prefeito José Aldemir não é extubado e Dra. Paula explica: “A equipe não faz nada que não seja em total segurança - BLOG DO GERALDO ANDRADE

terça-feira, 22 de junho de 2021

Prefeito José Aldemir não é extubado e Dra. Paula explica: “A equipe não faz nada que não seja em total segurança

 

Nesta terça-feira (22) a deputada estadual Dra. Paula atualizou sobre o estado de saúde do seu esposo, o prefeito de Cajazeiras José Aldemir.


Dra. Paula havia informado ontem, que o prefeito poderia ser extubado neste terça, mas no novo boletim explicou que a equipe médica está realizando todo o tratamento com muita segurança, e a extubação não foi feita.


“A equipe não faz nada que não seja em total segurança”, escreveu ela.


Veja:


“Bom dia todos. Gostaria de comunicar que ainda não foi feita a extubação. Na hora que acontecer, avisarei a vocês. Os médicos estão seguindo uma avaliação. Todos os parâmetros ventilatórios, como a frequência respiratória de odores, o PEP (Pressão Expiratória Positiva. Estão seguindo todos os protocolos de desmame da ventilação mecânica, a capacidade de tolerância da respiração espontânea de Zé Aldemir, estão a avaliando a frequencia respiratória, cardíaca, a pressão arterial, para retirada do tubo orotraquial com toda uma segurança. A equipe não faz nada que não seja com total segurança. Então, aguardem qualquer informação da extubação de Zé Aldemir. Continuemos com as orações, que Deus está no caminho, vamos pensar em quantos estão nessa angustia. Quantas desigualdades sociais e sofrimentos. Percebemos que esse maior desafio da saúde é justamente com relação aqueles que estão precisando de intubação, sabemos que o cenário vem sendo agravado a cada dia, pela superlotação de UTIs e hospitais. Em conjunto nós todos vamos pedir e fazer orações também por todos os pacientes e famílias. Eu quero dizer a vocês, que mesmo desfrutando deste conforto e saber que tantos não tem essa oportunidade que Zé Aldemir está tendo. Agradecemos a Deus todos os dias”, DraPaula”




 


 Fonte: POLÊMICA PARAÍBA

Créditos: POLÊMICA PARAÍBA