7 a 4: STF mantém decisão que considera Sérgio Moro ‘parcial’ contra Lula - BLOG DO GERALDO ANDRADE

quarta-feira, 23 de junho de 2021

7 a 4: STF mantém decisão que considera Sérgio Moro ‘parcial’ contra Lula

 

O Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu nesta quarta-feira (23), o julgamento envolvendo o ex-juiz Sergio Moro nos processos contra o ex-presidente Lula, considerando o magistrado parcial nas ações. A Corte já havia formado maioria pela decisão em abril deste ano, mas faltavam os votos dos ministros Marco Aurélio e Luiz Fux, presidente do STF.


Os dois magistrados votaram contra a determinação e a favor de Moro, fazendo com que o placar final fosse de 7 a 4. Além de Marco Aurélio e Fux, votaram dessa forma os ministros Edson Fachin e Luís Roberto Barroso.


Os ministros Alexandre de Moraes, Gilmar Mendes, Nunes Marques, Ricardo Lewandowski, Dias Toffoli, Cármen Lúcia e Rosa Weber votaram pela manutenção da decisão da Segunda Turma que considerou Moro suspeito.


Com a decisão, o caso será investigado novamente e as provas já colhidas não poderão ser utilizadas novamente em um possível novo julgamento. Além disso, a determinação do STF faz com que Lula deixe de ser condenado, o que o torna elegível para disputar a eleição presidencial de 2022.





Fonte: Polêmica Paraíba

Créditos: Polêmica Paraíba