Eduardo Costa é ameaçado após lançar música criticando Bolsonaro, e recebe apoio dos fãs - BLOG DO GERALDO ANDRADE

quinta-feira, 20 de maio de 2021

Eduardo Costa é ameaçado após lançar música criticando Bolsonaro, e recebe apoio dos fãs

 

O cantor sertanejo Eduardo Costa foi duramente criticado por apoiadores do governo, e luta para deixar sua família em segurança e vender sua fazenda após sofrer ameaças por lançar nova música com críticas contra Bolsonaro.


A música em questão, “Cuidado” gerou polêmicas em seu lançamento por cobrar um posicionamento da política brasileira perante o cenário atual. Mesmo com as ameaças, o sertanejo recebeu o apoio dos fãs e foi muito elogiado na internet.


O sertanejo que deixou o projeto “Cabaré” com Leonardo por causa de muitas brigas e polêmicas do passado, repercutiu nas redes sociais com a sua nova música sertaneja. A canção carrega um teor político por querer conscientizar os ouvintes das negligências do governo atual com os problemas da sociedade brasileira. Nesse sentido, os fãs do sertanejo se sentiram representados com a letra da música e deixaram seu apoio no vídeo da música.


Eduardo Costa foi muito bem recebido pelo público que o apoiou deixando comentários no vídeo da música: “Se o povo n acordar depois dessa música não acordam mas. Povo Brasileiro acorda pelo amor Deus!”, comentou um fã. “Essa música tem que ser a mais tocada, teve coragem de falar sobre nossa situação atual!”, desabafou um segundo. “Esse atitude do Eduardo Costa foi um ato de coragem e uma demonstração de empatia com todos os brasileiros”, confessou um terceiro.


Venda da fazenda


O cantor Eduardo Costa, que fez live sertaneja, com cobertura em tempo real do Movimento Country, pode tomar uma atitude radical e se mudar do Brasil. Isso porque, após o lançamento da música “Cuidado” sua vida teve uma grande reviravolta  e embora esteja sendo um single de sucesso para a carreira da músico, Eduardo vem enfrentando sérias consequências pelas críticas sociais presentes na letra da canção.



Tendo um forte viés político, “Cuidado” foi lançada nas plataformas digitais como “um manifesto, um apelo pela conscientização do nosso povo. Essa é uma música para nos fazer lembrar que temos que pensar muito antes de tomar uma decisão”. No cenário em que vivemos do descontrole da pandemia, a canção foi interpretada como uma mensagem indireta de desaprovação do governo atual, ou seja, do Presidente Bolsonaro.


Com milhões de visualizações e muito repercutida, a música deveria ser apenas motivo de comemoração de Eduardo Costa por ter dado voz à uma pauta coletiva. No entanto, o cantor está seriamente preocupado com a própria integridade física e com sua família depois de ter recebido sérias ameaças.


Apoio a Bolsonaro


Em dezembro de 2020, o cantor sertanejo revelou que se arrependeu em ter apoiado o chefe de Estado. “Hoje eu não apoio ninguém, só quero ver meu país melhor. Naquela época eu saí da casinha porque estava revoltado com a situação do país. Coloquei para fod** nas minhas redes, comecei, inclusive, a falar de política de uma forma agressiva. Percebi que conseguimos eleger um político usando nossa influência como artista, mas não conseguimos tirá-lo de lá. Precisamos buscar o melhor para o Brasil porque nosso povo paga um preço muito caro por votar mal. Isso não significa que eu voto bem. Votamos, colocamos o cara lá e só depois vemos a merd* que fizemos”. disse.



Fonte: POLÊMICA PARAÍBA

Créditos: Movimento Country e Polêmica PB