Paraibano e ex-deputado estadual  Pedro Egídio é  destaque na política do Estado da Bahia. - BLOG DO GERALDO ANDRADE

quarta-feira, 24 de março de 2021

Paraibano e ex-deputado estadual  Pedro Egídio é  destaque na política do Estado da Bahia.

 

O cirurgião-dentista paraibano Pedro Vicente Egídio é  destaque na política do Estado da Bahia. Ocupou os cargos de vereador e deputado estadual.


BIOGRAFIA DO EX-DEPUTADO ESTADUAL PEDRO EGÍDIO.


O ex-vereador e ex-deputado estadual pelo Estado da Bahia, Pedro Vicente Egídio nasceu em 18 de novembro de 1952, em São João do Rio do Peixe-PB. Ele é 

filho do  saudoso ex-vice-prefeito e ex-prefeito de Triunfo-PB, Vicente Egídio dos Santos e Maria Batista da Conceição "in memoriam". 


Cursou o Primário no Colégio Afonso Pereira e o Secundário no Lyceu Paraibano, ambos em João Pessoa. Em 1980, formou-se em Odontologia pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), iniciando a carreira de cirurgião-dentista  em Itabuna-BA.



Em 1990, ingressou no Partido da Frente Liberal (PFL), pelo qual se elegeu, em 1996, vereador de Itabuna para a legislatura 1997-2000, com o slogan “O dentista do povo”, sendo reeleito pelo mesmo partido para o período 2001-2004. Na Câmara Municipal de Itabuna, Pedro Egídio exerceu a presidência da Mesa Diretora em dois momentos: 1997-1998 e 2001-2002.


Já filiado ao Partido Social Democrático (PSD), foi eleito em 2002 deputado estadual para a legislatura 2003-2007. Na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (ALBA), foi membro titular das Comissões de Agricultura e Política Rural (2003-2006), Especial do Cacau (2003-2006) e Especial de Relações do Trabalho, Emprego e Renda (2003-2006). No decorrer deste período, Pedro Egídio trocou de agremiação algumas vezes. 


Ainda em 2003, saiu do PSD e, após curtas passagens pelo Partido Geral dos Trabalhadores (PGT) (quatro meses) e pelo PTN (seis meses), do qual chegou a ser líder na ALBA, transferiu-se para o Partido da Reedificação da Ordem Nacional (Prona), no qual permaneceu entre 2003 e 2005, tendo liderado a sigla na Assembleia nestes dois anos. Em setembro de 2005, nova mudança, desta vez para o Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB), no qual se manteve até o ano seguinte.


Desde o final do mandato, tem se dedicado à carreira profissional, possuindo clínicas odontológicas em diversos bairros de Salvador e em algumas cidades do interior da Bahia.


Em 1998, recebeu o  Título de Cidadão de Itabuna.


O ex-deputado Pedro Egídio é  irmão do ex-vereador de Triunfo-PB, José Vicente Egídio e do ex-vice-prefeito de Bernardino Batista eleito em 2004, Paulo Vicente Egídio.


O ex-parlamentar Pedro Egídio é  tio da ex-vereadora, professora Alcineide Egídio de Moura Gomes, do ex-vereador Gervásio de Gerson e dos atuais vereadores Allisson Ruy (PP), Gilberto Egídio (Cidadania) e Vicente Egídio Neto (PP).


É  primo da ex-prefeita de Poço de José de Moura, Aurileide Egídio de Moura, 

do ex-vereador Gonçalo Egídio,

do vereador Bastim de Albuino (PP), do deputado federal, Wilson Santiago (PTB), do saudoso ex-vice-prefeito, Antônio Estrela de Abrantes, dos-ex-prefeitos Assis Gomes e Gervásio Gomes, do líder político e ex-candidato a prefeito, funcionário da Caixa Econômica Federal, Marquinhos Gomes (PP),

do ex-vereador Neco Batista e da ex-vice-prefeita e ex-candidata a prefeita de Luís Gomes-RN, Dra. Antônia Gomes Abrantes Barbosa.


O ex-deputado estadual, Pedro Egídio é  membro das tradicionais  famílias Egídio e Batista do Município de Bernardino Batista.


O ex-parlamentar é neto do saudoso senhor de engenho, agropecuarista e um dos pioneiros da fundação de Bernardino Batista" A Serra do Padre", Coronel  Manoel Egídio dos Santos.


O coronel Manoel Egídio dos Santos transportava algodão, rapaduras e frutas em lombos de animais para as cidades de São João do Rio do Peixe, Luís Gomes/RN, dentre outras.


O ex-deputado estadual Pedro Egídio é  uma referência para o Município de Bernardino Batista.


Abdias Duque de Abrantes  

jornalista, servidor público, advogado e pós-graduado em Direito e  em Direito Processual do Trabalho pela Universidade Potiguar (UnP), que integra a Laureate International Universities.


Blog do Geraldo Andrade