Pré-candidato a prefeito de Poço Dantas, Zé Almeida é a favor da prorrogação do auxílio emergencial - BLOG DO GERALDO ANDRADE

sábado, 9 de maio de 2020

Pré-candidato a prefeito de Poço Dantas, Zé Almeida é a favor da prorrogação do auxílio emergencial


A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) vai encaminhar ofício ao Congresso Nacional solicitando a prorrogação do pagamento do auxílio emergencial, custeado pelo Governo Federal, com recursos do Tesouro Federal, às pessoas desempregadas, sem renda e autônomos, até 31 de dezembro deste ano. A proposta é fundamentada no requerimento da Mesa Diretora da Casa, aprovado por unanimidade, na sessão remota desta quarta-feira (06). O deputado Jeová Campos, foi o idealizou a proposta assumida pela Mesa Diretora da ALPB,
O  pré-candidato a prefeito pela oposição  de Poço Dantas, empresário Zé Almeida é a favor da prorrogação.do auxílio emergencial. 
“É fundamental que o Congresso Nacional aprove essa medida, ampliando o benefício a beneficiários de todo o Brasil até dezembro.  É imperioso fazer gestões junto aos governadores dos Estados e assembleias legislativas, para que em cada Estado, em cada Assembleia aconteça um movimento neste sentido”, pontuou o pré-candidato Zé Almeida.  
“Os efeitos  avassaladores da pandemia da Covid-19 no país, não somente na economia e saúde da população, mas, na vida das pessoas, estão sendo muito maiores e mais graves do que se previa antes, especialmente, dos menos favorecidos. É essencial aumentar o período previsto para a concessão do auxílio emergencial, de modo a amparar as pessoas que serão duramente atingidas pelas consequências econômicas dessa pandemia”, disse  Zé Almeida. 
“Existem vários relatos de pessoas que não estão se mantendo em isolamento social unicamente porque não podem deixar de sair à rua para ganhar o seu sustento, sob pena de não ter o que comer em casa”, relata o pré-candidato Zé Almeida. 
“Essas camadas vulneráveis, consomem o que recebem, no mercado, na mercearia, no mercadinho,  no supermercado, na farmácia  e faz girar a economia dos Municípios. O período de três meses previsto para o pagamento do auxílio não será suficiente diante da previsão de contaminação pela Covid-19 até julho ou agosto. É preciso socorrer por período de tempo maior a população mais carente”, ressalta o pré-candidato Zé Almeida. 



Abdias Duque de Abrantes
Jornalista MTB-PB Nº 604

Blog do Geraldo Andrade