Pesquisadores vão treinar cães para detectar o coronavírus - BLOG DO GERALDO ANDRADE

sexta-feira, 10 de abril de 2020

Pesquisadores vão treinar cães para detectar o coronavírus



Os cães são animais de faro bastante apurado, logo, são usados como farejadores que auxiliam a polícia e os bombeiros em resgates e operações. E talvez os cachorros possam ser os próximos aliados no combate à pandemia de coronavírus. Um grupo de pesquisadores quer treinar os animais para farejar pessoas infectadas pelo vírus.

Para ajudar no combate da propagação da Covid-19, um grupo de estudiosos britânicos, em parceria com a ONG Medical Detection Dogs, vai treinar cães para detectar pessoas com a doença. A organização explicou que a Escola de Higiene e Medicina e a Universidade de Durham estão colaborando para que o estudo seja feito com segurança.

As organizações que estão ajudando na iniciativa já entraram em contato com o governo britânico para explicar a importância dos cães no combate a pandemia. A Medical Detection Dogs já foi responsável por treinar cães para detectar doenças como câncer, Parkinson e infecções bacterianas, logo, eles acreditam que a iniciativa será bem sucedida.

Os cachorros são capazes de detectar também mudanças sutis na temperatura da pele e poderiam potencialmente indicar se alguém está com febre. Uma vez treinados, seria possível usar os animais para assinalar os viajantes infectados com o vírus em sua chegada ao país ou poderiam se deslocar em outros espaços públicos.


Fonte: Metrópoles