Privatização da Cagepa é negada por presidente - BLOG DO GERALDO ANDRADE

quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

Privatização da Cagepa é negada por presidente


 
Em entrevista a rádio Arapuan FM, o diretor-presidente da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), Marcus Vinícius Neves, negou que a empresa esteja sendo sondada pelo governo para privatização. Ele também revelou que há previsão para a realização de licitação para concurso público em 2020.




 Questionado sobre a especulação de privatização com o Marco Regulatório do Saneamento Básico, ele repudiou a ação, argumentando que “considerando que a empresa atua em 4/5 dentro do semi-áriado, mais 3 mil km de adutores sendo administrado pela Cagepa, sabemos que cada cidadão merece ter acesso a água de forma igualitária. Não é qualquer empresa que consegue administrar isso, quando você tem um estado com as diferenças sociais como o nosso, imagine uma empresa privada. O debate não é ideológico é debate de necessidade. Só uma empresa pública pode dar conta”, explicou.

Ele ainda reforçou dizendo que se quisessem privatizar a empresa, isso já teria sido feito. “O PL 4162 não privatiza empresa estadual. Hoje já se permite a legislação para privatizar, mas ninguém quer isso, nem o governador, já que entende e diga-se de passagem, hoje nós discutimos o planejamento do estado. O governador entende que a companhia é um instrumento de desenvolvimento para a Paraíba. Segurança hídrica para a Paraíba, fui chamado para continuar um processo de desenvolvimento da Companhia”, explicou.

Ao tratar da possibilidade de novas contratações, o gestor explicou que haverá ampliação dos quadros ainda em 2020, por meio de concurso público. Serão diversas vagas, mas um estudo ainda será feito para saber a quantidade que irá suprir as necessidades. Ainda não existe data, nem previsão para publicação de edital.



Click PB