Ex-governador é assassinado a tiros no Espírito Santo - BLOG DO GERALDO ANDRADE

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Ex-governador é assassinado a tiros no Espírito Santo


O ex-senador e ex-governador do Espírito Santo Gerson Camata foi assassinado a tiros na tarde desta quarta-feira (26) em Vitória, capital do estado. O assassinato foi na Praia do Canto, em frente a um dos restaurantes do local. A Polícia Civil já realizou perícia na cena do crime e investiga o caso.

A Polícia Militar confirmou que o ex-governador foi morto por disparo de arma de fogo. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi acionado, mas o político aposentado de 77 anos não resistiu ao ataque.

A morte também foi confirmada, por meio de nota, pela Secretaria de Segurança Pública do Espírito Santo. Ainda não há informações sobre os motivos do crime. Um suspeito já foi preso e foi levado para interrogatório no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Constituinte

Casado com a ex-deputada Rita Camata, Gerson foi governador do Espírito Santo entre 1982 e 1986. Também exerceu três mandatos no Senado, entre 1987 a 2011.

Economista e jornalista por formação, exerceu dois mandatos consecutivos na Câmara (entre 1975 e 1979 e entre 1979 e 1983) foi vereador de Vitória (1967-1971) e deputado estadual (1971-197



Em 44 anos de vida pública, entre 1967 e 2011, pertenceu a dois partidos políticos. Ficou filiado à Aliança Renovadora Nacional (Arena) A partir de 1980, com a retomada do pluripartidarismo, migrou para o PMDB (hoje, MDB).

Antes de entrar para a política, Gerson Camata apresentou o Programa Ronda da cidade, transmitido pela Rádio Cidade. Na sequência, exerceu a função de secretário de Estado da Secretaria de Desenvolvimento, Infra-Estrutura e Transportes do Espírito Santo, entre 11 de maio e 10 de novembro de 2006.





Fonte: Congresso em foco

Créditos: Congresso em foco